Formação em Constelação Familiar

Atualizado: 31 de mai.




Quero estudar para ser um constelador, como fazer?

Essa é uma questão muito comum. Recebo praticamente uma pergunta desta a cada dia. Isabela, preciso ter faculdade para ser um constelador? Preciso ter uma pós-graduação? Preciso ter o ensino médio? Preciso de quê? Onde estudar?

Vou responder tudo isso mas, o que mais importa, primeiramente, é compreender que, na verdade

1) não é preciso nada para ser um constelador (legalmente falando); 2) é preciso muita coisa para ser um bom constelador (moralmente falando)

Um dilema

Então, vamos desenvolver este raciocínio? Vou usar duas expressões para me fazer entender e explicar o que quero dizer aqui. As expressões que vou usar são ”moralmente falando” e ”legalmente falando”. Legalmente falando a Constelação Familiar não tem nada que a regule enquanto profissão. Aliás, ela nem é uma profissão.

Como assim ”nem é profissão se tem um monte de gente ganhando dinheiro, atendendo pessoas, dando cursos e trabalhando com ela?”.

Isso mesmo. A Constelação Familiar não é uma profissão regulada, ela é uma ”atividade econômica”. Então, legalmente falando qualquer um pode abrir uma página no Facebook agora mesmo e dizer-se constelador e consteladora. Não há impeditivos para isso. Não há órgão regulador. Nenhuma escola vai emitir carteirinha para você atender com consciência limpa e sem culpa. O mesmo acontece com o Coaching e a Psicanálise, por exemplo.

Eu sei que pode soar absurdo o que acabei de contar aqui e muitos estranham essa informação, mas é a verdade.

”Nossa Isabela, mas que louco isso. Para lidar com o emocional e com a vida das pessoas é preciso muito tato e muita responsabilidade, isso não poderia ser assim.”

Eu quero deixar claro aqui que não estou incentivando quem aja dessa forma, ok? Só estou apontando a realidade de mercado nos dias de hoje no que diz respeito à Constelação Familiar. Se você acha esquisito esse tipo de coisa é porque moralmente falando é mesmo bizarro e soa irresponsável alguém que não tenha um mínimo de preparo poder atuar tão profundamente na vida de pessoas que buscam algum tipo de ajuda, certo? Pronto, esse é o dilema instalado quanto à formação de Constelação Familiar? E, então, como proceder com responsabilidade?

No meu livro esclareço, com mais calma e de forma mais completa, o que compreendo ser necessário para extrairmos o melhor que a Constelação Familiar pode nos oferecer. Acredito que o pensamento de Bert é mesmo incompreendido e muito confundido. Esse livro cicatriza, revigora e nos abre os olhos para uma outra realidade junto às Constelações Familiares. É para leigos ou para consteladores? É para a VIDA! QUERO UM 🙂





Monte a sua jornada

Espero que tenha ficado claro, então, que não existe formação em Constelação Familiar, não existe carteirinha de constelador e nenhum certificado lhe habilitará em nada. Alguns anúncios de escolas de Constelação Familiar na internet colocam essa chamada para venderem uma pretensa formação “aqui você vai estar habilitado…etc”. Mas, de fato, não existe essa possibilidade. Você pode montar sua jornada estudando com os profissionais que mais curte, fazendo diversos cursos que lhe enriqueçam. O que eu sugiro, segue no texto.

Curso Presencial: escolha responsável

Agora que você já fez essa reflexão comigo, e se você quer mesmo se tornar um constelador ou uma consteladora responsável, eu diria que vale a pena investir em bons cursos e treinamentos presenciais de Constelação Familiar com boas escolas, consteladores ativos e com excelentes professores.

Geralmente um treinamento presencial que se preze dura pelo menos um ano e meio a dois anos – e, repetindo, é presencial. Mas, perceba: quando digo Treinamento em Constelação Familiar não é treinamento para ser constelador e sim melhorar-se (verificar suas questões)!

”Na verdade todos os cursos são de desenvolvimento pessoal”

Quem está bem consigo mesmo estará mais apto, em tese, para ajudar pessoas. Por isso, se o seu objetivo é estudar Constelação Familiar para atuar atendendo clientes minha dica é a seguinte: diversifique com presencial + online. Nunca estude somente online se a finalidade é o atendimento final à pessoas . Frequente o campo, treine a percepção, permita-se experienciar vivamente as representações, constele-se e suplemente as vivências com os cursos online de qualidade.


Educação Continuada Online

Conjuntamente a este treinamento bem feito e presencial você poderá complementar seus estudos com cursos online, sem problemas. Depois de visitar bons conteúdos, com bons professores, você estará mais apto para discernir entre cursos melhores e cursos não tão bons assim. Por isso, estes primeiros passos precisam ser muito bem construídos. Invista tempo e dinheiro aí.

Não brinque com fogo, eu diria. É, realmente, necessário tomarmos certos cuidados nesse início de caminhada (caso seja mesmo seu desejo seguir essa jornada como profissional da ajuda).

Seja um profissional de excelência e ganhe destaque

Imagine você que há quilos e mais quilos de escolas e cursos online lançando novos facilitadores a cada minuto no mercado. Como em qualquer profissão ou atividade econômica a competição por espaço está se tornando bastante acirrada. Há muita gente boa atuando e há muita gente não tão boa assim. Há muitas narrativas e mitos sobre Constelação Familiar. É preciso ir com calma para que você não acumule frustrações por ai.


Mais que só um Constelador

Além de uma boa experiência presencial e outras tantas online, é preciso, também, muitas habilidades, caso você queira estar vivo e atuante lá pra 2026, ou 2035. Marketing e vendas, por exemplo. Fazer vídeos, educar, informar e captar clientes; atuar nas redes sociais (sem sensacionalismos e etc).

O que estou querendo dizer é que não basta fazer um curso de Constelação Familiar e assinar num pé de página, ou num pé de post algo do tipo ”Isabela Couto, Consteladora Sistêmica” e num passe de mágica os clientes aparecerão. Não é assim. Daí a necessidade de professores pra lá de excelentes e como boa postura e, além disso, uma disposição gigantesca a cada dia de sua vida em ser melhor, melhor e melhor.

Meus conteúdos online

Como percebo um constelador mais completo e apto para o mercado de trabalho? Bom, todos o que estão obtendo sucesso na área carregam consigo 4 pilares do sucesso. Foi mediante essa observação que criei ao longo do tempo estes 4 cursos online:

1) Filosofia Sistêmica – profissionais, antes de tudo, são pessoas que conhecem bem Bert Hellinger e sua obra, aplicam as leis sistêmicas em suas próprias vidas, compreendem a fundo do que se trata Constelação Familiar;

2) Ordens da Ajuda – profissionais capazes estão afinados com as 6 Ordens da Ajuda e conseguem ajudar com segurança e eficácia seus clientes;

3) Marketing com postura e Pré-Sessão: profissionais de sucesso sabem captar clientes, educar sua audiência, relacionar-se com o público sem infringir as Ordens da Ajuda;

4) Atendimento em grupo* ou com bonecos online – profissionais diferenciados conhecem seu corpo e o fenômeno da representação na própria carne; também está conectado com todos os itens anteriores (filosofia sistêmica + ordens da ajuda e captação/psicoeducação de seus clientes).

*Eu não tenho curso de atendimento em grupo, somente Atendimento com Bonecos Online

Agora é com você

Espero que esse artigo possa ajudar você na sua trajetória profissional. Que você encontre bons professores e orientadores na sua caminhada junto à Constelação Familiar. Basicamente a dica é muito ânimo, postura responsável, calma e disposição, muita disposição. Vejo você por aí.



87 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo