Alma Flix, a netflix da alma | Constelação Familiar – Constelação Familiar Sistêmica

Alma Flix, a netflix da alma | Constelação Familiar

O ALMA FLIX cresceu

Essa alma é filosofia pura. Filosofia Sistêmica.

Ela é estudo e não entretenimento.

Quem quer crescer de fato precisará se empenhar – é o que ando vendo.

Eu não tenho nada contra uma e outra diversão.

Adoro, aliás, gente bem humorada. Elas são mais inteligentes.

Mas, a gente pode ser um bocado mais focado, também – isso funciona!

Já estamos na página 200de300 do livro A Fonte Não Precisa Perguntar Pelo Caminho, em um ano e meio de projeto.

O Alma Flix é uma espécie de netflix pra alma.

E o livro supracitado é um livro que Hellinger chama de “livro de consulta” (tamanha a quantidade de informações e conceitos sobre Constelação Familiar que há alí).

Minha tese é a seguinte: se a gente compreender o que Bert Hellinger quer dizer quando diz-o-que-diz, então temos ainda mais chances com o futuro.

Percebi isso nesses últimos anos de atividade intensa com a Constelação Familiar.

As pessoas não compreendem o que Bert traz.

A maioria lê Hellinger com o seu dicionário do senso comum. Aí ferrou! Fica tudo comprometido e distorcido.

Quem se importa com esse “detalhe” tem os melhores resultados com essa abordagem.

Não é interessante?

Aqui nas Constelações Sistêmicas realmente o “paciente” foi diluído de vez.

Quem quiser mudar e crescer com a Constelação Familiar vai precisar se doar um tanto mais.

Antes, talvez, concentrávamos na sessão e no facilitador, toda a esperança de cura, alívio e solução.

Hoje, digo sem susto, que o caminho da filosofia sistêmica é também uma ótima via de acesso a sua alma e ao amor-que-vê.

Expanda-se!


Isabela Couto | Psicanalista | Constelação Familiar com Treinamento pelo IDESV


■ Alma Flix o maior acervo de vídeo-aulas sobre Constelação Familiar na Internet

■ Atendimento Online com Bonecos baseado na Constelação Familiar

■ Class Online Pé no chão & Pá na mão | Para consteladores que querem decolar sua atuação no mundo

Deixe um comentário